HARRY POTTER: QUANDO O AMOR NASCEU

HARRY POTTER QUANDO O AMOR NASCEU4

Resolvi escrever esse post ontem, quando encontrei algo muito especial que guardo há vários anos, um objeto o qual atribuo como marco na minha vida antes de Harry Potter e após Harry Potter. Duas folhas de recorte da Revista Veja datadas de 12 de abril de 2000.

HARRY POTTER QUANDO O AMOR NASCEU3

Mas, apenas quatro anos após ser publicada essa revista caiu em minha mãos, em meio a tantas outras revistas velhas trazidas por meu irmão para casa. Por coincidência ou destino, minhas mãos abriram nas páginas 150 e 151, e ali estava lindamente estampada a ilustração do bruxinho mais querido do mundo montado em sua vassoura a perseguir o pomo de ouro, sob o título “A magia de atrair leitores – O fenômeno  editorial, a série de romances do menino-bruxo Harry Potter chega ao Brasil”. Naquele momento fui invadida pela magia, e a parte bruxa dentro de mim acordou para nunca mais voltar a dormir.

HARRY POTTER QUANDO O AMOR NASCEU2

Não lembro muito bem a ordem cronológica dos fatos, mas o SBT estava exibindo o comercial de Harry Potter e a Pedra Filosofal pela primeira vez em tv aberta, nessa mesma época em que me deparei com as duas páginas na revista. Foi uma coisa que complementou a outra. Até então as imagens que eu tinha dos personagens eram criações do meu imaginário, e ao ver os comerciais do filme eu acabara de assinar o contrato do caso de amor eterno por Harry Potter.

HARRY POTTER QUANDO O AMOR NASCEU1

Harry Potter e a Pedra Filosofal foi exibido pelo SBT em 5 de dezembro de 2004, exatamente quando eu tinha onze anos, a mesma idade de Harry, Rony e Hermione. Como uma pisciana que se preze, cheia de misticismo, isso foi um prato cheio para mim, cada detalhe me prendia mais a essa história <3.

HARRY POTTER QUANDO O AMOR NASCEU6

Sim, só tive contato com o mundo potteriano/potterhead quatro anos após ele ter chegado ao Brasil. Naquela época não tínhamos acesso a internet como hoje em dia. hahaha. Meu primeiro livro comprei anos mais tarde, também não tinha dinheiro, mas, antes de ter os livros para chamar de meus, consegui ler todos eles com empréstimos de amigas de uma amada amiga minha, com quem li, assisti, idealizei e dividi muitas emoções relacionadas ao universo HP, ou emprestados da biblioteca municipal da minha cidade.

HARRY POTTER QUANDO O AMOR NASCEU5

Escrever esse post foi muito emocionante para mim, me faz reviver cada sentimento, o brilho nos olhos, o palpitar do coração. Só quem compartilha desse amor por Harry Potter consegue compreender o que ter crescido junto a cada personagem significa. É muito lindo ver que o laço que liga milhares de pessoas ultrapassa gerações, que as crianças e adolescentes dos anos 90/2000/2010 e daí por diante compartilham e compartilharão um amor em comum. E sem mais delongas, agradeço a nossa rainha J.K. Rowling por ter nos dado a chance de sermos quem somos hoje <3.

E vocês, como conheceram Harry Potter? Comentem aí 😉 

Beijos :-*

Nox!

Anúncios

NOSTALGIA DA INFÂNCIA: NOVELAS MEXICANAS

Este post é especialmente para aqueles que foram crianças ou pré-adolescentes nos anos 90 e início de 2000 e que, assim como eu, amava do fundo do coração as novelas infantojuvenis mexicanas que eram transmitidas no Brasil.

Cúmplices de um Resgate/ Cómplices al Rescate

NOSTALGIA-DA-INFÂNIA-NOVELAS-MEXICANAS-1

Exibida no Brasil pelo SBT nos anos 2001/2002, Cúmplices de um Resgate contava a histórias de duas irmãs gêmeas separadas ao nascer, interpretadas inicialmente por Belinda Peregrín, e posteriormente substituída por Daniela Luján. Silvania, a irmã rica ficou com o pai e Regina, a madrasta malvada. Mariana, a irmã pobre e meiga ficou com a mãe, tia e avó, crescendo cercada de muito carinho e amor. A história gira em torno da banda que leva o nome do título da novela. Muitas aventuras rolam durante toda a trama, desde a troca de identidade entre as gêmeas até o surgimento de amores adolescentes. Atualmente o SBT trabalha em uma versão Brasileira da novela, adaptada por Íris Abravanel e estreada por Larissa Manoela como interprete das gêmeas, vale a pena esperar a estreia, prevista para Agosto desse ano, e conferir.

Site da versão Brasileira: http://www.cumplicesbrasil.com.br/

Videos com os temas de abertura da primeira e segunda temporada:

Alegrifes e Rabujos / Alegrijes y Rebujos

NOSTALGIA-DA-INFÂNIA-NOVELAS-MEXICANAS-2

Alegrifes e Rabujos chegou as telas Brasileiras também pelo SBT em 2004/2005, tendo como atores infantojuvenis principais Sofia, interpretada por Maria Chacón, e Afonso, Miguel Martínez. A trama envolve magia, alquimia e a amizade. Juntos, os alegrifes lutam contra o mal, personificado na personagem da bruxa Helga e usam as boas lembranças e o amor deixado por Aurélio, um velhinho bacana que antes de morrer plantou muitos sentimentos legais e viveu grandes aventuras com Sofia e Afonso. Essa novela foi uma das minhas grandes paixões, ficava completamente conectada com a história, não perdi um só capítulo, afinal fantasia sempre foi meu ponto fraco, hahaha. SBT faça uma nova versão dessa também, favor 🙂.

Vídeo com o tema da abertura:

Amigos para Sempre/ Amigos x Siempre

NOSTALGIA-DA-INFÂNIA-NOVELAS-MEXICANAS-3

A história se passa em um colégio interno estilo militar, onde Ana, protagonizada por Belinda Peregrín, e Pedro, Martín Ricca se conhecem e iniciam uma grande e colorida amizade, mas para isso precisam escapar do mau humor e disciplina extrema de Natanael, o inspetor do colégio. Outros dramas acontecem na telenovela, como um jogo de interesses financeiros que envolvem o colégio. Amigos para Sempre foi exibida pelo SBT em 2001.

Vídeo com o tema de abertura:

O Diário de Daniela/ El Diario de Daniela

NOSTALGIA-DA-INFÂNIA-NOVELAS-MEXICANAS-4

A mais antiga das quatro selecionadas, foi exibida pelo SBT em 2000, protagonizada por Daniela Luján no papel principal como Daniela, uma menina doce que junto aos seus amigos vive grandes aventuras e fantasias. Além de Lújan, a trama conta com a presença de Anahí que interpreta a irmã adolescente de Daniela, Adélia, e Martin, interpretado por Miguel Martínez, o par romântico da protagonista. Durante toda a telenovela, Daniela tem dois companheiros inusitados, seu diário em que escreve todos os acontecimentos da sua vida e um amigo fantasma, que habita os bastidores do teatro da família da menina, um grande refúgio e palco de fantasias para a garota.

Vídeo com o tema de abertura:

E vocês, o que acharam do post? Quais as novelas infantis que mais gostaram e marcaram de alguma forma a infância de vocês? Compartilhem comigo.

Beijos e até a próxima :*

Observação: As fotos e videos que usei nesse post não são de minha autoria. Caso você encontre um trabalho seu aqui e deseja que seja retirado ou devidamente indicada a autoria, favor, entre em contato.